SAÚDE: Vistoria identifica superlotação e outras irregularidades no Trauminha, em João Pessoa.

CRM fiscaliza Trauminha, em João Pessoa, e encontra superlotação e outras irregularidades na unidade — Foto: CRM/Divulgação



O Conselho Regional de Medicina (CRM-PB) fiscalizou, na tarde desta quarta-feira (15), o Complexo Hospitalar de Mangabeira Tarcísio de Miranda Burity, o Trauminha, em João Pessoa. Na vistoria, foram constatadas irregularidades no número de leitos da unidade, falta de medicamentos básicos e a superlotação do hospital.

A assessoria da Secretaria Municipal de Saúde informou que ainda não tem um posicionamento sobre a fiscalização.

De acordo com Roberto Magliano, presidente do CRM, assim como no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, que foi vistoriado nesta segunda-feira (13), o Trauminha enfrenta problemas de superlotação, com pacientes nos corredores da unidade e sem leitos suficientes para a quantidade de pacientes que estão sendo atendidos no hospital, além de falta de medicamentos, como antibióticos e anestésicos, insumos e outros.

Ainda segundo o presidente do CRM, há irregularidades estruturais, como elevadores quebrados há dois anos, que dificulta a locomoção dos pacientes, principalmente no pós-operatório, entre os andares do Trauminha.

O CRM afirma que a preocupação do conselho não é interditar o hospital, que busca apontar as inconformidades e irregularidades para que os gestores possam reparar os danos que o hospital está enfrentando.

Fonte: G1 Paraíba

Postar um comentário

0 Comentários