segunda-feira, 30 de dezembro de 2019

PROPOSTA DE EMPREGO: Nestlé abre vagas na PB para quem tem mais de 60 anos.

Vagas são para Bahia, Ceará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe


A Nestlé está contratando profissionais com mais de 60 anos para atuar como impulsionadores em pontos-de-venda na Paraíba e em mais 10 estados, para o período de 16 de janeiro a 16 de fevereiro.

Os interessados podem se candidatar até 10 de janeiro de 2020 pelo site, para oportunidades nos estados da Bahia, Ceará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe.

Além da idade superior a 60 anos, é preciso ter concluído o ensino médio. Os selecionados passarão por um treinamento na Nestlé, antes de iniciar o trabalho nos pontos-de-venda. A ideia é que os impulsionadores participem da divulgação de produtos que farão parte de uma nova ação promocional que a Nestlé lança no início do próximo mês.

ITABAIANA: Cavalos é visto andando pelas ruas de Itabaiana, no último domingo, 29.



Cavalos foram visto circulando livremente pela Av. Presidente João Pessoa, centro de Itabaiana, na manhã do último domingo, 29. Apesar dos alertas que são emitido em diversos sites ou por autoridades sobre o perigo da permanência de animais de grande porte em ruas. A Prefeitura de Itabaiana, não realizou nenhuma apreensão e os animais ficaram transitando calmamente no centro no último domingo.

Para não colidir com os equinos, alguns motoristas e motociclistas foram obrigados a desviar para evitar o pior. A Prefeitura de Itabaiana não realizou a retirada desses animais, em dias de maiores picos, onde o trânsito fica caótico esses animais trafegam livremente em vários lugares de Itabaiana e nada é feito.




Fotos via Whatsapp

PAPA FRANCISCO: Papa pede que famílias recolham celulares e conversem nas refeições.



As famílias devem retomar a comunicação dentro do lar, recolhendo o celular durante as refeições, disse no Vaticano, o Papa Francisco. Ele fez o pedido durante a última oração do Angelus de 2019.

O pontífice convocou os fiéis a melhorar a comunicação dentro de casa. Ele sugeriu que a família moderna siga o exemplo dos personagens bíblicos Jesus, Maria e José, que se ajudavam mutuamente.

“Você, em tua família, sabe se comunicar, ou é como aqueles jovens na mesa, cada um com o telefone celular, [que] estão [trocando mensagens] em chats? Naquela mesa parece um silêncio, como se estivessem na missa, mas não se comunicam. Devemos retomar a comunicação em família: os pais, os pais com os filhos, com os avós, mas comunicar-se, com os irmãos, entre eles. Essa é uma tarefa a ser feita hoje, precisamente no dia da Sagrada Família”, conclamou.

No primeiro domingo após o Natal, a Igreja Católica celebra a festa da Sagrada Família. Ao discursar na sacada da Basílica de São Pedro, o papa pediu que os cristãos sigam o modelo da família de Jesus.

“Que a Sagrada Família possa ser modelo para nossas famílias, para que pais e filhos se apoiem mutuamente na adesão ao Evangelho, fundamento da santidade da família”, acrescentou.

Em 2017, o papa havia criticado o uso de celulares durante a missa. Na ocasião, ele disse sentir-se triste quando fiéis e até bispos levantam o aparelho para fotografarem durante as celebrações religiosas.

Fonte: Agência Brasil

PESQUISA REALIZADA PELA AGÊNCIA DE ESPORTE DO JAPÃO: Smartphones usados em excesso prejudicam crianças, revela pesquisa.



Uma pesquisa realizada pela Agência de Esportes do Japão descobriu que a força física e a capacidade atlética das crianças sofreram queda. A agência disse que isso se deve em parte ao uso de smartphones.

O estudo, realizado anualmente no Japão, verifica as atividades físicas, tais como corridas e lançamentos de bolas, assim como o estilo de vida das crianças. A pesquisa deste ano cobriu mais de 2,1 milhões de estudantes do quinto ano do curso primário e do segundo ano do curso ginasial.

A média nacional da capacidade física teve queda em comparação ao ano passado, tanto no caso dos meninos como das meninas. A média dos meninos do quinto ano caiu para o nível mais baixo desde que a pesquisa começou a ser realizada em 2008.

O estudo descobriu que as crianças, especialmente os meninos do curso primário, passam mais tempo assistindo à televisão ou utilizando smartphones.

O tempo médio que os estudantes do curso ginasial passam praticando atividades atléticas caiu em mais de 90 minutos por semana.

Fonte: Agência Brasil

ATIVA: Servidores estaduais recebem salários nesta segunda e créditos extras ficam para janeiro.



Os servidores da ativa do Governo do Estado recebem nesta segunda-feira (30) o pagamento da folha de dezembro. Os inativos e pensionistas receberam o pagamento do mês já na última sexta-feira (27). Serão injetados R$ 315 milhões na economia nesta última etapa do calendário de pagamento de fim de ano.

Ao todo, em um período de 30 dias, o Governo do Estado injetou na economia paraibana R$ 978 milhões, incluindo o pagamento da folha de novembro, a segunda parcela do 13º salário e a folha de dezembro.

O governador João Azevêdo destacou a importância dos recursos para a economia paraibana. “Pagamos, em 30 dias, a folha de novembro, pagamos a segunda parcela do décimo terceiro, e pagaremos agora, nos dias 27 e 30, a folha de dezembro. Tudo isso injeta na economia valores significativos”, disse, ressaltando a relação entre a folha de pessoal em dia e indicadores como o saldo positivo de empregos registrado na Paraíba no mês de novembro, assim como o pagamento do abono natalino do Bolsa Família e dos Prêmios Escola de Valor e Mestres em Educação.

Créditos extras

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Administração, informou que alguns créditos, tais como produtividade, prêmios, indenizações, plantões extras, bolsas, bônus e férias, não foram incluídos nos contracheques neste mês de dezembro por um problema ocorrido na geração da folha de pagamento. Todos eles serão pagos normalmente até o quinto dia útil do próximo mês de janeiro de 2020.

Fonte: ClickPB

NESTA SEGUNDA: CNJ lança consulta pública sobre juiz de garantias.



O Conselho Nacional de Justiça (CNJ), responsável por criar normas para o sistema judiciário, vai lançar nesta segunda-feira (30) uma consulta pública sobre a criação da figura do juiz de garantias. O projeto de lei é alvo de dúvidas e questionamentos no Congresso e em tribunais superiores.

A ideia é ouvir a opinião de tribunais, juízes, associações de magistrados, Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Defensoria Pública da União (DPU). A consulta estará aberta no site do CNJ até 10 de janeiro.

De acordo com lei aprovada pelo Congresso e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro na última quarta-feira (24), um juiz deverá conduzir a investigação criminal, em relação às medidas necessárias para o andamento do caso até o recebimento da denúncia, e outro magistrado ficará com o julgamento do processo.

Diante das divergências sobre o assunto, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do CNJ, Dias Toffoli, criou na quinta-feira (26) um grupo de trabalho para elaborar um estudo e apresentar, até 15 de janeiro, sugestões para regulamentar o texto.

Um integrante do grupo ouvido reservadamente pela reportagem diz que a instituição do juiz de garantias não retroage, já que as inovações de direito penal mais "gravosas" não são retroativas.

Nos bastidores de tribunais superiores, a lei anticrime já é chamada de "um Frankenstein" que vai ganhar vida própria em 30 dias, prazo fixado para que a lei entre em vigor em todo o país.

Fonte: R7

CREMAÇÃO: Corpo da mãe de Jorge Fernando será cremado nesta segunda.



O corpo da atriz Hilda Rebello, mãe do diretor Jorge Fernando, será velado a partir das 10h desta segunda-feira (30), no crematório da Penitência, no Caju, Zona Portuária. A cerimônia de cremação está prevista para às 15h30 desta tarde.

Hilda Rebello morreu no domingo (29), aos 95 anos, por conta de complicações decorrentes de uma infecção respiratória.

A morte de Hilda aconteceu dois meses e dois dias após a morte de Jorge Fernando, morto no dia 27 de outubro deste ano, vítima de uma parada cardíaca.

Atriz tardia

Hilda, que também é atriz, foi parceira do filho em diferentes produções e soma mais de 30 anos de atuação. Mas sua carreira nos palcos e atrás das câmeras começou tarde - e por insistência do filho.

A então professora de corte e costura entrou no curso do Teatro Tablado - um dos mais tradicionais do Rio - aos 62 anos. Seis anos depois, fazia sua estreia na peça "Uma historia de boto vermelho" - o que lhe rendeu, em 1994, uma entrada no Guinness, o Livro dos Recordes, como a mais idosa a estrear em palcos.

Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1989, na novela "Que Rei Sou Eu?", como Ama Zefa. O mais recente foi em 2016, em "Haja Coração".

Também foi a avó do Menino Maluquinho na versão para o cinema, em 1994.

Fonte: Globo

ASSASSINATO: Homem é encontrado morto dentro de barril em lixão de Solânea, na Paraíba.



Um homem de 32 anos foi encontrado morto na manhã do último domingo (29) em um lixão na cidade de Solânea, no Agreste da Paraíba. O corpo foi encontrado dentro de um barril, de cabeça para baixo e com sinais de violência. Suspeito foi detido.

De acordo com a Polícia Civil, José Humberto Andrade dos Santos tinha 32 anos e seria ex-presidiário. Ele foi encontrado com vários ferimentos. O suspeito é vizinho da vítima.

O corpo do homem foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal da cidade de Guarabira. Segundo a polícia, as possíveis motivações estão sendo investigadas.

Fonte: G1 Paraíba

sexta-feira, 27 de dezembro de 2019

REFLEXÃO: A urgência de viver o “Amai-vos”, de Jesus.



Na Boa Nova de Jesus, aprendemos com o Preceptor Celestial que é imprescindível “amarmo-nos uns aos outros como Ele nos tem amado. Somente assim poderemos ser reconhecidos como Seus discípulos” (Evangelho, segundo João, 13:34 e 35). E mais: passamos a enfrentar qualquer situação de modo efetivo, compreendendo a necessidade do ensinamento do Mandamento Novo do Senhor, que é, na definição também do saudoso Irmão Alziro Zarur (1914-1979), a “Essência de Deus para a Vida”. Fica patente esse anseio que temos de ser felizes, razão por que nos devemos esforçar com decisão, de forma que haja, de fato, uma Sociedade Solidária Altruística Ecumênica. Para que o Respeito, a Fraternidade, a Solidariedade, a Compaixão, a Generosidade possam fazer realmente vigorar a Verdade e a Justiça.

Antídoto ao ódio

O Amor, aliado à Justiça, é essencial. Porque o outro lado da moeda é isso de que todos estão querendo livrar-se: o ódio que promove a violência que atrai mais violência, o desencontro de sentimentos. Assim, “o xis do problema” não reside necessariamente nos regimes políticos e sociais, mas na índole do ser humano que os constitui, impõe e vive. Costumo afirmar: não há regime bom enquanto o homem for mau (desculpem o cacófato). Como é que um ser, na carne ou no etéreo, que ainda não tem devidamente demonstrado seguras condições para desfrutar de um clima de civilidade, é capaz de estabelecer uma vivência de fato solidária? Como, se no seu cerne reincide em não querer ouvir esses assuntos básicos? Sem eles, não pode existir um lugar que seja sem que a ferocidade da guerra (o Cavalo Vermelho — Apocalipse, 6:4) permaneça como o juiz perverso em todas as decisões. Se a sua Alma não for bafejada pela emoção pura de Amor e de Justiça (de maneira alguma confundam Justiça com vingança), ele vai sofismar, engabelar, iludir.

Ameaça ao status quo

Então, a urgência de vivermos o “Amai-vos como Eu vos amei”, de Jesus, é resultado do exemplo pessoal Dele: doou a Sua própria vida, submeteu-se à crucificação, prova de que portava um recado novo que punha em xeque interesses danosos a certa parte da humanidade. Portanto, o Missionário Celeste havia se transformado em uma ameaça ao status quo vigente e, ipso facto, foi pregado à cruz do sacrifício. Depois ressuscitou e ascendeu aos Céus. Por conseguinte, o Cristo deu a maior demonstração de Amor Fraterno. Consequência: Sua mensagem de Irmandade sem fronteiras espalhou-se pelo planeta, mesmo que, por vezes, tenha sido quase que negada, ao modelo do que se viu no Século das Guerras Religiosas: o 16, e nas inqualificáveis Cruzadas. Por isso, reitero, Jesus é uma conquista diária, uma descoberta permanente para os que têm sede de Saber, de Misericórdia, de Fraternidade, de Generosidade, de Liberdade e Igualdade, segundo a Lei Universal da Reencarnação. Por intermédio dela, Deus nos concede a oportunidade de, pelas vidas sucessivas, ir aprendendo a viver Suas Divinas Lições. Assim, embora tropeçando, todas as criaturas continuam a caminhada na direção Dele. E, ao citar Jesus, não me refiro ao Cordeiro quando aprisionado por restritas concepções terrenas, sejam filosóficas, religiosas, políticas, científicas, artísticas. Ele é um Libertador, jamais um prisioneiro. Sobrepaira a tudo. A Sua identidade com Deus é tamanha que se tornou — para a sobrevivência da espécie humana — o Revelador da primacial causa da penúria de Alma que ainda sofremos, tendo em vista a falta de nos amarmos uns aos outros da mesma forma com que Ele nos amou e ama. Aí vem a decisão para a boa trajetória civilizante que o Sublime Educador nos aponta no versículo 35 do capítulo 13 do Evangelho, consoante João: “Somente assim, se vos amardes uns aos outros como Eu vos tenho amado, podereis ser reconhecidos como meus discípulos”.

É o recado que vem de Campinas/SP – cidade-sede da Proclamação do Novo Mandamento de Jesus, feita por Zarur –, desde o Sete de Setembro de 1959, e que não foi abafado nem extinto, porque é aquele que traz o tônus da Eternidade, porquanto o Novo Mandamento antes de ser de Jesus é de Deus, nosso Pai-Mãe.

Sigamos em frente! A vitória do Bem é certa. Deus, que é Amor, em verdade, está presente! E o Cristo vive, para sempre, em nossos corações!

Diz o velho Platão (427-347 a.C.): “O Amor é a alegria dos bons, a reflexão dos sábios, o assombro dos deuses”.

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.
paivanetto@lbv.org.brwww.boavontade.com

Fonte: Vânia Besse

TER ENTRE 18 E 65 ANOS PARA DOAR SANGUE: Doação de sangue cai quase 17% e Hemocentro reforça apelo.



De 16 a 21 deste mês, o Hemocentro da Paraíba registrou uma redução de 16,9% do número de doações de sangue em relação ao mesmo período do ano passado. O Hemocentro da Paraíba está convocando doadores de todos os tipos sanguíneos para garantir o abastecimento das unidades de saúde e atender as demandas transfusionais.

A diretora-geral do Hemocentro, Shirlene Gadelha, chama a atenção da população para que neste período de festas e feriados prolongados também priorizem a doação de sangue. “A queda do número de doações tem sido percebida nos últimos dias. Isso nos preocupa porque estamos próximo das festas de fim de ano, quando frequentemente aumenta a demanda por transfusão de sangue”, frisou a diretora.

“Nunca é demais lembrar que doar sangue é um gesto voluntário, de solidariedade. E ainda, uma atitude que salva de vidas. A doação de sangue é um ato extremamente seguro, não engorda e ainda é considerado um ato nobre. O sangue humano é insubstituível. Por essa razão, sempre que alguém necessita de uma transfusão sanguínea, só pode contar com a sensibilidade de alguém que se disponha a fazer a doação”, ressaltou Shirlene Gadelha.

Para doar sangue é preciso ter entre 18 e 65 anos, pesar no mínimo 50 kg, apresentar documento de identidade original e com foto, estar alimentado e em boas condições de saúde.

Atendimento

Neste sábado o Hemocentro da Paraíba atenderá doadores das 7 às 13h. Na segunda (30) e terça-feira (31), o atendimento será das 7h às 12h, voltando à normalidade na quinta-feira, com atendimento das 7h às 17h30.

Fonte: Portal Correio

HOMEM MORRE APÓS 12 DIAS INTERNADO: Mulher é presa suspeita de atear fogo no marido.



Uma mulher de 24 anos foi presa na manhã desta quinta-feira (26) suspeita de atear fogo no marido utilizando acetona e isqueiro, em Campina Grande. O caso aconteceu dia 21 de outubro deste ano. Depois de 12 dias internado, o homem não resistiu e morreu no Hospital de Trauma da cidade.

O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Homicídios de Campina Grande. Ela teria confessado o crime no mesmo dia, mas ficou respondendo em liberdade. Em depoimento, a mulher relatou que fez isso após descobrir uma traição.

À delegada Nercília Dantas, que acompanha o caso, a mulher disse ainda que teria bebido com o marido no dia e esperado ele dormir para cometer o crime. Ele teve queimaduras de 2º grau.

Após ser presa, a suspeita foi encaminhada à Central de Polícia de Campina Grande, onde aguarda audiência de custódia.

Fonte: TV Correio

ASSASSINADO: Prefeito é assassinado a tiros e chefe de gabinete fica ferido em São Paulo.



O prefeito de Ribeirão Bonito (SP), Francisco José Campaner (PSDB), conhecido como Chiquinho Campaner, foi assassinado a tiros na tarde desta quinta-feira (26). O chefe de gabinete, Edmo Gonçalo Marchetti, e o amigo do prefeito, Ary Santa Rosa, também foram baleados e estão internados na Santa Casa de São Carlos. O estado de saúde deles é estável.

O crime aconteceu em uma estrada de terra na zona rural, na entrada do município. A motivação e a autoria do crime ainda são desconhecidos.

O prefeito de Ribeirão Bonito (SP), Francisco José Campaner (PSDB), conhecido como Chiquinho Campaner, foi assassinado a tiros na tarde desta quinta-feira (26), segundo informações obtidas pela EPTV, afiliada da TV Globo. Outras duas pessoas foram baleadas.

O crime aconteceu em uma estrada de terra na zona rural, na entrada do município. A motivação e a autoria do crime ainda são desconhecidos.

Trajetória

Natural de Ribeirão Bonito, Chiquinho Campaner foi vereador da cidade em mandatos iniciados em 1982, 1989, 2001 e 2005, sendo presidente da Câmara em 1983, 2005 e 2006.

Na eleição de 2012, concorreu ao cargo de prefeito, mas ficou em terceiro lugar. Se filiou ao PSDB em 2015 e foi eleito chefe do Executivo em 2016, com 3.132 votos (47,96%).

Em setembro deste ano, a Justiça arquivou uma ação civil pública por acusação de improbidade administrativa, pelo possível uso de dinheiro público para propaganda pessoal em uma revista de circulação regional. A Câmara já havia rejeitado o pedido de cassação do prefeito.

Campaner estudou direito na antiga Faculdades Integradas de São Carlos (Fadisc). Ele era solteiro e não tinha filhos.


quinta-feira, 26 de dezembro de 2019

AUMENTO DO GÁS: Petrobras anuncia aumento no preço do gás de cozinha ainda este ano.



A Petrobras irá reajustar o preço do gás de cozinha em cerca de 5% a partir desta sexta-feira (27), segundo a reportagem apurou.

A alta vale para todos os tipos de GLP (gás liquefeito de petróleo), que inclui botijões de uso doméstico (13 kg) e industrial (embalagens acima de 13 kg).

Segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), o preço médio do botijão de 13 kg era de R$ 69,11 em novembro. Caso o ajuste seja integralmente repassado ao consumidor, este valor iria para R$ 72,56.

Este é o terceiro aumento seguido no preço do gás para botijões de 13 quilos. Em novembro, a companhia reajustou em 4% o preço do gás de cozinha. Em outubro, a alta foi de 5%.

Após seis ajustes no ano (cinco aumentos e uma queda de 8,2%), o combustível tem alta acumulada de quase 10% no ano.

A política de preços da Petrobras prevê o acompanhamento de longo prazo das cotações internacionais, usando médias de 12 meses, com o objetivo de evitar o repasse ao consumidor brasileiro de efeitos sazonais, como aumento do consumo durante o inverno no hemisfério norte.

O ano tem sido de aumento generalizado no setor de gás. Houve também alta expressiva no gás natural. Dentre junho de 2018 e junho de 2019, o preço deste gás entregue a distribuidoras subiu, em média no país, quase 30%.

O preço do gás natural vendido pela Petrobras também acompanha a variação das cotações internacionais de óleos combustíveis e a taxa de câmbio. É ajustado a cada três meses, de acordo com a evolução dos indicadores em trimestres anteriores.

A alta em 2019 tem forte impacto da escalada do dólar a partir do período eleitoral, quando a moeda norte-americana chegou a bater a casa dos R$ 4,10. Neste ano, o dólar foi a R$ 4,26 e agora está na casa de R$ 4,063.

O governo Jair Bolsonaro (sem partido) considera o setor de gás estratégico e iniciou um programa para reduzir a pressão de preços no setor.

O projeto prevê a redução da participação da Petrobras no gás e aumento da concorrência privada. O pacote em gestação inclui ainda outros três pilares: revisão do modelo tributário do setor, incentivo ao uso do gás para geração de energia e novo marco jurídico para a distribuição, para apoiar a figura dos consumidores livres de gás (que podem negociar o produto sem a distribuidora).

TERRORISMO NO BRASIL: Suposto grupo integralista diz ter atacado sede do Porta dos Fundos.


Um suposto grupo integralista reivindicou nesta quarta-feira, 25, a autoria do atentado contra a sede do grupo de humoristas Porta dos Fundos, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na madrugada da terça-feira 24. O ataque na véspera do Natal foi feito com coquetéis molotov, arremessados contra o prédio da produtora, no bairro do Humaitá. A Polícia Civil do Rio investiga o caso.

Em um vídeo que circula no WhatsApp e no Youtube (veja abaixo), integrantes do “Comando de Insurgência Popular Nacionalista da Família Integralista Brasileira” assumem o atentado, represália contra o especial de Natal do Porta dos Fundos, A Primeira Tentação de Cristo, disponível na Netflix. O filme mostra Jesus Cristo como homossexual, além de um triângulo amoroso entre Deus, Maria e José.

No vídeo divulgado pelos supostos criminosos, que traz imagens do ataque, aparecem três homens encapuzados e vestidos com as camisas verdes integralistas, à frente de uma bandeira com o símbolo do movimento. Um deles, sentado, lê com uma voz distorcida a declaração em que reivindica a autoria do atentado, chamado pelo grupo de “ação direta revolucionária” e “justiçamento”.

“Nós do Comando de Insurgência Popular Nacionalista da Família Integralista Brasileira reivindicamos a ação direta revolucionária que buscou justiçar os anseios de todo povo brasileiro contra a atitude blasfema, burguesa e antipatriótica que o grupo de militantes marxistas culturais Porta dos fundos tomou quando produziu seu especial de natal a mando da mega corporação bilionária Netflix, deixando claro para todo o povo brasileiro, mais uma vez, como o grande capital anda de mãos dadas com os ditos socialistas”, diz o homem.

Na mensagem, ele afirma ainda que o grupo humorístico busca “destruir o nosso povo, nossas crenças, nosso patrimônio imaterial, com o intuito de nos enfraquecer”. “O Porta dos Fundos resolveu fazer um ataque direto contra a fé do povo brasileiro se escondendo atrás do véu da liberdade de expressão. Esses malditos servos do grande capital blasfemaram contra o Espírito Santo quando chamaram nosso senhor Jesus Cristo de bastardo e Maria de prostituta de adúltera”, diz.

O “Comando de Insurgência Popular Nacionalista da Família Integralista Brasileira” admitiu ter sido o responsável pelo furto de bandeiras antifascistas no campus da UniRio em Botafogo, em dezembro de 2018. Os integrantes reivindicaram a autoria do episódio em um vídeo, que mostra as faixas sendo queimadas.]

Em nota publicada na sua página de Facebook, o Porta dos Fundos disse que “condena qualquer ato de violência e, por isso, já disponibilizou as imagens das câmeras de segurança para as autoridades e espera que os responsáveis pelos ataques sejam encontrados e punidos”.

NO ICV: Mulher que teve material cirúrgico esquecido em barriga morreu de parada cardiorrespiratória.



A paciente Kellyane Neri do Nascimento, que estava internada no Instituto Cândida Vargas (ICV) após ter material cirúrgico esquecido em seu corpo durante o parto, morreu por parada cardiorrespiratória na noite desta quarta-feira (25), conforme boletim do ICV (veja abaixo).

A mulher de 28 anos deixou dois filhos, sendo que a criança mais nova nasceu no dia 11 de setembro, de cesárea, no ICV, ocasião em que o material foi deixado na barriga de Kellyane, que começou a sentir fortes dores cerca de um mês depois.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou nota lamentando o óbito da paciente e dando as seguintes informações:



1. Conforme Boletim Médico do Instituto Cândida Vargas (ICV), o quadro da paciente evoluiu para uma parada cardiorrespiratória às 18h, desta quarta-feira (25), não respondendo aos protocolos clínicos de ressuscitação, culminando com o óbito às 19h10;

2. Os familiares estão recebendo todo o acompanhamento necessário por parte da equipe multiprofissional e, da direção do Instituto Cândida Vargas (ICV);

3. Na última sexta-feira (20), foi disponibilizado à família, conforme solicitado, cópia do prontuário médico da paciente, dentro dos termos da lei, com as informações e todo histórico da assistência prestada;

4. Nesta quinta-feira (26), toda documentação e histórico clínico da paciente (prontuário médico), estarão sendo encaminhados ao Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB), atendendo solicitação da entidade.

Fonte: ClickPB

SORTEIO DE FIM DE ANO: Mega da Virada tem prêmio estimado em R$ 300 milhões.



Ao contrário dos sorteios anteriores, a Mega da Virada não acumula. Pelas regras do concurso, se ninguém fizer as seis dezenas, o prêmio é pago aos acertadores da quina. Em 2018, 52 apostadores que fizeram a quina dividiram pouco mais de R$ 302 milhões.

A aposta simples custa R$ 4,50, mas quem fizer essa opção, segundo a Caixa, tem uma chance em 50 milhões de acertar as seis dezenas premiadas. Já os apostadores que puderem investir mais em um bilhete, aumentam muito as chances . A aposta de oito números, por exemplo, custa R$ 126, e as chances passam a ser de uma em 1,787 milhão de apostas.

PB-054: Após morte de motorista, diretoria do DER designa equipe para realizar conserto.



Na manhã desta quinta-feira, 26, uma equipe do DER de Itabaiana foi designado para consertar o trecho de Lagoa do Rancho (Zona Rural de Itabaiana), que na última semana vitimou Rodolfo Amorim. Além de está sem o cinto de segurança, infelizmente perdeu sua vida por conta das péssimas condições da PB-054.

É um trecho pequeno e conhecido por todos como "Trecho da Morte", que é recordista em acidentes, por conta do grande fluxo de veículos que trafegam constantemente no local e isso faz os condutores andar na contramão para tentar desviar dos inúmeros buracos. Os motoristas que seguem viagem e passam por Juripiranga a destino a BR-230 (Boqueirão de Gurinhém), enfrenta problemas para seguir viagem devido ás péssimas condições da estrada.

Opinião do Redator: Além desse trecho, será que o DER de ITABAIANA, irá concertar também as estradas de Juripiranga, Mogeiro, Ingá, Itabaiana e Gurinhém. E os milhares de condutores e motociclistas que trafegam constantemente para ir trabalhar ou fazer seus afazeres. Será que receberam uma atenção de igual para igual, ou só irá ficar nisso.

Redação Ranys 
Foto do Whatsapp

SEM CINTO DE SEGURANÇA: Homem morre após perder controle da direção e capotar veículo, na BR-230, na Paraíba.



Um homem morreu no início da manhã desta quarta-feira (25) depois de perder o controle da direção do veículo e capotar no km 46 da BR-230, na Grande João Pessoa. De acordo com informações iniciais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima estava sem o cinto de segurança e estava sozinho no carro.

O homem trafegava sentido Campina Grande-João Pessoa, quando entrou no canteiro central e o carro teria capotado. O veículo parou na parte central da rodovia. José Amilton de Araújo, de 64 anos, era oficial de justiça e morreu no local. Por estar sem o cinto de segurança, a vítima sofreu vários impactos.

O acidente aconteceu por volta das 5h. A PRF esteve no local e uma perícia foi realizada no veículo para identificar as causas do acidente. Os peritos encontraram uma garrafa de uísque dentro do carro, mas apenas exames realizados no Instituto de Perícia Científica (IPC) poderão identificar se o homem estava sob efeito de álcool.

Fonte: G1 Paraíba

terça-feira, 24 de dezembro de 2019

UFPB: oferta 45 vagas para mestrado e doutorado em Direito.


O Programa de Pós-graduação em Ciências Jurídicas (PPGCJ) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) divulgou edital com 45 vagas, sendo 30 para o curso de mestrado (15 para área de Direito Econômico e 15 de Direitos Humanos) e 15 vagas para o doutorado (todas na área de Direitos Humanos e Desenvolvimento). Acesse o edital do programa. 

As inscrições serão realizadas exclusivamente no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa), de 12 a 27 de janeiro. A taxa de inscrição é de R$ 85,93.

Haverá isenção para candidatos que comprovarem ter cursado o Ensino Médio em escola da rede pública, ou como bolsista integral da rede privada, e possuírem renda familiar per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio; que tiverem inscrição no Cadastro Único (CadÚnico) para Programas Sociais do Governo Federal; que apresentem parecer social emitido pela Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) da UFPB; ou que forem servidores (cônjuges e filhos também) da UFPB.

Do total de vagas oferecidas, 20% serão destinadas a candidatos (as) oriundos (as) da população negra, povos indígenas, povos e comunidades tradicionais e pessoas com deficiência, correspondendo a seis vagas de mestrado e três de doutorado.

O processo seletivo terá duas etapas: prova escrita (tanto para o mestrado quanto para o doutorado), no dia 14 de fevereiro; e avaliação do Plano Preliminar de Dissertação e Tese (projeto de pesquisa /entrevista), entre os dias 23 e 31 de março. Ambas serão eliminatórias e classificatórias. O resultado final está previsto para ser divulgado no dia 7 de maio.

Fonte: Portal Correio

JOÃO GREGÓRIO: Prefeito investigado em operação da Polícia Federal é morto durante caminhada nesta manhã.



O prefeito da cidade de Granjeiro, João Gregório Neto (PSD), foi morto a tiros enquanto caminhava próximo à parede do Açude Junco, na manhã de terça-feira (24). A vítima foi atingida pelas costas.

Segundo moradores da cidade, um carro com suspeitos foi visto se aproximando do gestor municipal. Logo depois, foram ouvidos pelo menos três disparos. Moradores tentaram socorrer o prefeito, mas quando chegaram próximo ao local ele já estava morto. A autoria e a motivação da morte ainda não foram confirmadas pela polícia.

Alvo de operação da Polícia Federal

João Gregório foi alvo de uma ação da Polícia Federal há pouco mais de um ano. Ele era suspeito de movimentar cerca de R$ 26 milhões na conta de um parente beneficiário de aposentadoria rural, num período de dois anos, segundo investigações da Operação Bricolagem, relativas a fraudes em licitações para construção de escolas. O valor dos contratos fraudados somava cerca de R$ 5 milhões. Um dos mandados foi cumprido em sua casa, onde foram encontrados R$ 213 mil em espécie, guardados em caixas de sapato.

O valor movimentado na conta do parente foi quase R$ 10 milhões a mais que o orçamento de todo o município de Granjeiro, cidade com 4,5 mil habitantes. Em 2017, o orçamento municipal anual foi de R$ 17 milhões, conforme a Prefeitura Municipal de Granjeiro.

Na época, o advogado do prefeito, Igor Rodrigues Lucena, informou para o G1 que o "prefeito garantiu que não teria como ter mexido irregularmente em R$ 26 milhões do Município, pois a arrecadação anual é de R$ 13 milhões e ele assumiu a Prefeitura em 2017".

"Se tivesse ficado para si com todo dinheiro, (13+13, apesar de o ano ainda não ter terminado), não teria conseguido pagar o funcionalismo público nem fazer com que os serviços do Município funcionassem. Toda as contas estão em dia e a máquina pública na ativa", disse.

Filho de agricultores


João Gregório Neto, mais conhecido como "João do Povo", nasceu em 29 de maio de 1965, no sítio Cana Brava dos Gregório, no município de Granjeiro, estado do Ceará. Ele era filho do agricultor Raimundo Gregório Alves e da dona de casa Maria Vilany Gregório, sendo o segundo de sete filhos do casal.

João do Povo fez parte do Lions Clube de Várzea Alegre e era integrante da Loja Maçônica Harmonia Varzealegrense. No fim dos anos 80 ingressou na política como vereador sendo eleito por duas legislaturas pelo Partido da Frente Liberal - PFL. No início dos anos 90 entrou no ramo empresarial abrindo uma churrascaria em Várzea Alegre.

Em 2016, voltou à política, desta vez candidatando-se ao cargo de prefeito de Granjeiro, disputando a vaga pelo PSD, sendo eleito com 2.358 votos (52.39%).





DOE: Governador exonera Lau Siqueira, diretor do hospital de Monteiro e dispensa Francisco Ferreira,



O Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (24) trouxe mais exonerações assinadas pelo governador João Azevêdo (sem partido), ainda como desdobramentos da Operação Calvário.

O advogado Francisco Chagas Ferreira, preso na operação, foi dispensado do cargo de liquidante da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba. 

O diretor técnico do Hospital Regional Santa Filomena, localizado no município de Monteiro, foi exonerado. Nilo Feitosa de Oliveira havia sido indicado ao cargo pela ex-secretária de Saúde do Estado, Cláudia Veras, investigada na operação.

Já o coordenador-geral do Programa de Inclusão Através da Música e das Artes (Prima), Lau Siqueira, foi exonerado a pedido. Lau ocupou cargos na gestão do ex-governador Ricardo Coutinho e já foi, inclusive, secretário de Cultura da Paraíba. Nesta segunda (23), ele entregou uma carta de demissão ao governador.

Fonte: ClickPB

LEI SECA: Hospitais da Paraíba terão que notificar atendimento a condutores embriagados envolvidos em acidentes.



Os estabelecimentos de saúde da rede pública e privada da Paraíba serão obrigados a notificar o atendimento a vítimas de acidentes de trânsito, relatando, inclusive, se o condutor apresenta indícios de embriaguez.

A medida faz parte do programa de redução de índice de acidentes e mortes no trânsito, e foi instituída por meio de lei, de autoria do deputado Lindolfo Pires, publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (24).

De acordo com o texto, a notificação deverá atestar o nível de alteração da capacidade psicomotora dos condutores. O profissional e o estabelecimento de saúde responsáveis pelo atendimento e assistência terão o encargo de fazer a notificação ao órgão competente, para a adoção de providências destinadas ao registro, sob pena de responsabilidade administrativa, civil e criminal.

Ainda segundo o texto, a notificação deverá ser processada no prazo máximo de 72 horas a contar do atendimento. A notificação tem caráter sigiloso.

A informação deverá ser encaminhada para o órgão estadual responsável pelo Programa Operação Lei Seca, no caso o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), a fim de subsidiar o registro e acompanhamento dos índices de acidentes e mortes no trânsito, ocorridas em razão de abuso na ingestão de álcool.

NESTA TERÇA O Antagonista apela que ministra do STJ mande Ricardo Coutinho de volta para a cadeia.



A ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Maria Thereza de Assis Moura, tem o destino de Ricardo Coutinho em suas mãos e pode mandar o ex-governador de volta para a cadeia, conforme matéria publicada no site O Antagonista, nesta terça-feira (24), que apela para que a ministra permaneça em Brasília e ponha Ricardo atrás das grades.

A ministra assumiu o plantão do STJ no domingo (22) e deverá, a partir de agora, receber todos os pedidos relacionados à Operação Calvário durante o recesso.

No último sábado (21), quando o ministro Napoleão Nunes Maia concedeu Habeas Corpus ao ex-governador Ricardo Coutinho, ela não despachou no caso porque estava numa viagem a São Paulo.

Nesta segunda-feira (23), já de volta à Brasília, ela negou nove pedidos de liberdade e, com o recurso da PGR em mãos, poderá decidir pelo retorno de Ricardo Coutinho para a prisão.

Fonte: ClickPB com Antagonista

FUTEBOL 2020: Santos anuncia treinador português para temporada.





Na última semana, Jesualdo esteve no Catar para acompanhar o Mundial de Clubes e, em nova entrevista ao periódico A Bola, recuou em sua crítica. “Causou grande celeuma no Brasil, consegui que todos os brasileiros estivessem contra mim. É o [campeonato] mais difícil, de fato. E [Jorge Jesus] ganhou.”

Com mais de quatro décadas de experiência no futebol, o treinador carrega o apelido de “O Professor” em sua terra natal. A referência vem do fato de que ele realmente deu aulas de especialização em futebol no Instituto Superior de Educação Física, de Lisboa.

Um dos alunos dele foi o multicampeão José Mourinho, atual técnico do Tottenham-ING.

Desde sua saída do Al Sadd, Jesualdo vinha atuando como comentarista na TV portuguesa. De acordo com a imprensa lusitana, ele considerava se aposentar dos gramados.

Ao aceitar o convite do Santos, ele terá de lidar com as dificuldades financeiras da equipe para montar um elenco competitivo para a temporada 2020.

A proposta orçamentária do Santos, aprovada em 14 de novembro pelo Conselho Deliberativo, prevê movimentação financeira bem mais modesta se comparada à deste ano. Serão R$ 249 milhões em receitas, R$ 130 milhões a menos do que em 2019, com estimativa de R$ 379 milhões.

O documento ainda registra R$ 69 milhões em vendas de jogadores, baseado em cálculo de negociações nas últimas temporadas, e não aponta a estimativa de compra de atletas.

Nesta temporada, o Santos gastou quase R$ 80 milhões com 14 contratações para satisfazer seu ex-treinador Jorge Sampaoli. Alguns nomes, como o peruano Cueva, além dos colombianos Uribe e Felipe Aguilar, terminaram o ano em baixa.

Para 2020, o clube já contratou o atacante Raniel, 23, e o lateral direito Madson, 27. Por outro lado, o zagueiro Gustavo Henrique e o lateral Victor Ferraz deixaram a equipe. O primeiro acertou com o Flamengo, enquanto o segundo se transferiu para o Grêmio.

O Santos anunciou na manhã desta segunda-feira (23) a contratação do técnico Jesualdo Ferreira, de 73 anos. O treinador assinou contrato com o clube até o fim de 2020. Ele será apresentado pelo clube no dia 6 de janeiro.

O português será o 16º estrangeiro a comando a equipe alvinegra, dirigida nesta temporada pelo argentino Jorge Sampaoli.

Jesualdo desembarcará no Brasil em meio ao sucesso de seu compatriota Jorge Jesus, que levou o time do Flamengo aos títulos do Campeonato Brasileiro e da Libertadores, além do vice-mundial neste ano.

O novo comandante santista estava sem clube desde que deixou o Al Sadd, do Catar, no meio do ano. Em Portugal, ele trabalhou no Benfica, no Sporting e no Porto, este último pelo qual foi tricampeão nacional (2006/07, 2007/08 e 2008/09).

Em julho deste ano, o técnico causou polêmica ao dizer ao jornal português A Bola que o conterrâneo Jorge Jesus estava trabalhando na “pior liga do mundo”.

A declaração foi rebatida pelo próprio treinador do Flamengo. “O campeonato mais difícil do mundo é o Brasileiro, onde as equipes são mais equilibradas e todas têm grandes jogadores.”

Fonte: FolhaPress

segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

POLÍTICA: João Azevêdo nega Caixa 2 em campanha, desconhece acerto com Daniel e diz que não vai renunciar e nem teme perda mandato.



“Toda a movimentação de campanha esteve contabilizada e aprovada pelo TRE da Paraíba, portanto, não tememos nada no nosso mandato nem admitimos conversas sobre recursos fora da contabilidade”. Foi assim que o governador João Azevedo rebateu, nesta segunda-feira (23), durante entrevista no Palácio da Redenção, a informação do delator Daniel Gomes de que teria acerto com o chefe do Executivo para manter contratos.

“Não tenho nenhuma preocupação em renunciar. Não farei isso, tenho respeito com as pessoas e com o compromisso que assumi”, garantiu o governador.

Ele afirmou claramente que não participou de nenhum acordo paralelo com a OS’s de Daniel Costa, nem conhecida o que está sendo exposto pela Operação Calvário, onde a sua campanha tinha comando responsável pelas demandas normais.

Além de informar que não teme nada em relação ao seu mandato por conta da Operação Calvário, ele garantiu que vai manter o ritmo de trabalho com toda a promessa de campanha e negou a boataria sobre renuncia.

“Não existe esta possibilidade porque estamos agora dedicados a ajustar os procedimentos para atender a todas as promessas de campanha”, frisou.

 Fonte: Wscom

RICARDO COUTINHO: Ex-governador se diz inocente de acusações e rechaça prisão.



Após reportagem em rede nacional sobre a Operação Calvário – Juízo Final, que culminou na prisão do ex-governador Ricardo Coutinho, ele, já em liberdade após determinação do ministro do STJ Napoleão Nunes Maia, realizou uma live em suas redes sociais se declarando inocente das acusações.

Na transmissão ao vivo, Ricardo disse que nunca pensou em fugir e que, quando tomou ciência de que estava sendo procurado pela Polícia Federal e Interpol, tratou de comprar passagem de volta ao Brasil, já que estava em viagem de férias na Europa.

O socialista disse que foi um choque quando soube que alguém o teria acusado de ser o chefe de uma organização criminosa.

– Eu já vi todo tipo de combate, mas particularmente essa me chocou. Eu imediatamente comprei nova passagem, comuniquei à Polícia Federal de que estava vindo, porque, jamais passou pela minha cabeça de não voltar. Disseram que eu estava fugindo. Esses assassinatos de reputação estão sendo feitos desde o início do ano e eu percebia que era uma forma articulada – disse na live.

Ricardo considerou sua prisão como arbitrária e que “não seja possível que prisão preventiva se torne um mérito para interrogatório”.

Ele criticou a forma como a Justiça tem agido através de pedidos de prisão preventiva, sem que antes desse o direito ao contraditório, e a oferta de colaboração premiada.

– Por que não chamou antes para perguntar? Eu daria as respostas e se tivesse alguma prova contra a minha pessoa, aí sim, se poderia iniciar o processo, permitindo o contraditório e se tiver provas, condenar. É assim que a Justiça age. No Brasil ela está sobre todas as outras e prende as pessoas sem nenhuma prova. Põe em condenação e, uma pessoa presa, querendo a liberdade a qualquer custo ou temendo por algum familiar seu, que geralmente é isso, faz a delação em busca de um benefício e coloca um alvo. Você pega um instrumento como esse e banaliza dessa forma – contou.

O ex-governador questionou a contemporaneidade dos fatos e da acusação e disse que isso fez com que o ministro do STJ determinasse sua soltura.

– Você não tem os fatos ocorrendo naquele momento. Foi isso que o ministro Napoleão Maia Filho do STJ, em nove páginas ele desmontou 209 de acusações. Eu não era mais governador.

Coutinho ressaltou ainda o rompimento com o atual governador João Azevêdo, e disse que, devido às acusações, houve perseguição “aos melhores quadros que o governo tinha”, se referindo às exonerações feitas no Estado.

Ele ainda disse que sua prisão foi para forçar uma barra e espetacularizar nas campanhas e debates políticos.

O líder dos ‘girassóis’ ainda disse que há um grande esforço de tentar negar o projeto político do PSB que mudou o estado com uma grande força.

Fonte: Paraíba Online

FAXINA NA CASA: Governo federal extingue mais de 27 mil cargos efetivos.



O governo federal extinguiu mais de 27.500 cargos efetivos do seu quadro de pessoal para organizar a estrutura de carreiras. Entre os cargos extintos pelo Decreto nº 10.185, publicado na última sexta-feira (20) no Diário Oficial da União, estão o de mateiro, discotecário, técnico de móveis e esquadrias, locutor e seringueiro.

O Ministério da Economia informou que analisou cerca de 500 mil cargos para “identificar aqueles que não são mais condizentes com a realidade da atual força de trabalho federal”.

“O objetivo é evitar contratações desnecessárias e o desperdício de recursos, pois estes são cargos obsoletos e em funções que não devem mais ser repostas”, disse o secretário de Gestão e Desempenho de Pessoal, Wagner Lenhart, em nota.

De acordo com o ministério, a maior parte das atribuições dos cargos que estão sendo extintos podem ser supridas de outras maneiras, como a descentralização para outros entes da federação e a contratação indireta de serviços (terceirização).

Levantamento da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) mostrou que do total de cargos que serão extintos, 14.227 já estão desocupados e serão suprimidos imediatamente. Ainda existem 13.384 cargos ocupados.

Neste caso, a extinção ocorrerá quando essas pessoas se aposentarem. “É importante deixar claro que o servidor que ocupa um cargo “em extinção” não é afetado, nada muda para a pessoa”, explica Lenhart.

Ministério da Saúde

O órgão mais impactado pela medida será o Ministério da Saúde. Na pasta ocorrerá a redução de 22.476 cargos, o que representa cerca de 81% do total de cargos extintos. Apenas no cargo de Agente de Saúde Pública serão extintos 10.661 cargos.

“Isso não terá repercussão no âmbito do Ministério da Saúde e se deve, em grande parte, à extinção de cargos de natureza operacional no combate e controle de endemias e de cargos vagos de unidades hospitalares, que hoje já são de competência de outros entes federativos”, afirma o secretário.

Vedação de concurso

A medida veda, ainda, a abertura de concurso público para cargos existentes no plano de cargos técnicos e administrativos das instituições de ensino. A vedação abarca cerca de 20 mil cargos do Ministério da Educação e de suas instituições federais de ensino, o que representa 68 denominações de cargos.

De acordo com Wagner Lenhart, o decreto não coloca tais cargos em extinção, apenas veda a realização de novos concursos ou o provimento adicional além das vagas previstas nos editais vigentes, garantindo a continuidade dos concursos em andamento.

Decretos

Esta é a terceira vez que o governo edita decretos para extinguir cargos obsoletos, diz o ministério. Em 2018, foi publicado o Decreto nº 9.262, que extinguiu mais de 60 mil cargos. Já em abril de 2019, o governo realizou outro movimento de adequação da força de trabalho e publicou o Decreto nº 9.754, que promoveu a extinção de outros 13 mil cargos.

Fonte: Agência Brasil

PESQUISA: WhatsApp é a principal fonte de informação dos brasileiros, aponta pesquisa.



Um aplicativo gratuito, funcional, de uso intuitivo e com recursos interessantes para pessoas e empresas. Essas podem ser algumas das respostas para a pesquisa realizada pela Câmara dos Deputados e pelo Senado, que revelou o WhatsApp como principal fonte de informação dos brasileiros. Nela, 79% dos entrevistados afirmaram receber notícias por meio da rede.

O WhatsApp possui mais de 136 milhões de usuários no Brasil, é tão popular quanto o Facebook.

“Essa ferramenta é tão importante que já é até instrumento de trabalho. Nos dias em que apresenta erros, os usuários ficam desesperados”, lembra a professora de Marketing Digital do Centro Universitário Internacional Uninter, Maria Carolina Avis.

Para a especialista, o sucesso do aplicativo está na comunicação, que é pessoal e cada vez mais próxima. “A verdade é que pessoas acreditam em pessoas, o aplicativo acaba sendo uma fonte de informação confiável, embora saibamos que as fake news são facilmente distribuídas por lá também”.

As mídias sociais são versáteis e estão em constante transformação, por isso, não há como garantir a preferência do público por muito tempo.

“Como existem muitos escândalos de compartilhamento de dados pela empresa Facebook, que operacionaliza o WhatsApp, pode ser que nos próximos anos as pessoas passem a usar com mais frequência outras redes sociais. Já existe o Telegram que é muito parecido com o Whats, mas a adoção ainda é muito tímida no país”, explica Maria.

Sobre o Grupo Uninter

O Grupo Uninter está entre os maiores players do segmento educacional, e é a única instituição de ensino a distância do Brasil recredenciada com nota máxima pelo Ministério da Educação (MEC).

Sediado em Curitiba (PR), já formou mais de 500 mil alunos e, hoje, tem mais de 250 mil alunos ativos nos mais de 200 cursos ofertados entre graduação, pós-graduação, mestrado e extensão, nas modalidades presencial, semipresencial e a distância.

Com polos de apoio presencial, estrategicamente localizados em todo o território brasileiro, mantém cinco campi no coração de Curitiba. São 2 mil funcionários trabalhando todos os dias para transformar a educação brasileira em realidade. 

Fonte: uninter

FANTÁSTICO: Delator relata esquema milionário de propina envolvendo Ricardo Coutinho, ex-governador da PB.

Ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) e governador João Azevêdo (sem partido) são alvos da Operação Calvário — Foto: Junior Fernandes/Secom-PB - André Lúcio/Secom-PB


O empresário Daniel Gomes relatou a investigadores do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) que superfaturava contratos e pagava 10% do valor em propina ao ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB). Daniel tinha contratos com o governo na área da Saúde por meio de duas organizações sociais - entidades privadas sem fins lucrativos.

O esquema foi desarticulado na Operação Calvário, e o empresário preso em dezembro do ano passado. Ele fez delação premiada e agora responde em liberdade.

Em vídeos exibidos neste domingo (22) pelo Fantástico, o agora delator afirma aos investigadores que os repasses foram negociados com Ricardo Coutinho desde 2010 e que o esquema ilegal continuou com o atual governador João Azevêdo (sem partido). "O Ricardo era o líder, indiscutivelmente", afirma.

O empresário também pagou com dinheiro de corrupção as despesas de Coutinho em São Paulo, no show do Roger Waters em 2018, e no Rio de Janeiro, no desfile das escolas de samba de 2012.

Durante todo o período em que esteve envolvido no esquema, Daniel Gomes carregava um gravador escondido. O empresário começou a gravar o então governador em 2010 e seguiu registrando tudo até o final de 2018. A Polícia Federal e o Ministério Público tiveram que analisar mais de mil horas de reuniões e pedidos de propina.

Operação Calvário: entenda investigação que desarticulou esquema em hospitais na Paraíba

A Operação Calvário investiga uma suposta organização criminosa que desviou R$ 134,2 milhões de recursos da saúde e educação. Foram presas 14 pessoas, sendo nove na Paraíba, duas no Rio Grande do Norte, uma no Rio de Janeiro e uma no Paraná. Todos os 54 mandados de busca e apreensão foram cumpridos. O ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho tinha mandado de prisão preventiva expedido, mas estava em viagem de férias fora do país e foi preso ao retornar ao Brasil, na quinta-feira (19). Ele e outras quatro pessoas foram soltas no sábado (21), após decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O que dizem os citados

À reportagem da Rede Globo, o Governo do Estado informou que "nunca houve acerto para manutenção da prestação de serviço na saúde, que o governador João Azevêdo não compactua com qualquer ato irregular que tenha sido praticado anteriormente e muito menos se envolve com atos que não sejam de moralidade administrativa".

Já a defesa de Ricardo Coutinho disse que “não se pode concluir que numa conversa gravada há tantos anos, por exemplo, implique necessariamente num ato de corrupção. Até porque são valores estratosféricos. O ex-governador não tem patrimônio”.

Em uma live nas redes sociais, realizada neste domingo (22), Ricardo Coutinho disse que as gravações e delações feitas pelo empresário Daniel Gomes foram esquematizadas com o objetivo de incriminá-lo. "Eu nunca recebi nada. Meu patrimônio é absolutamente compatível com aquilo que eu ganhei ao longo desses anos", disse o ex-governador.

Delação contra Ricardo Coutinho e João Azevêdo

O delator Daniel Gomes, preso em dezembro de 2018, tinha contratos com o Governo da Paraíba por meio de organizações sociais. Ele responde em liberdade, após entregar aos investigadores gravações de conversas com o ex-governador Ricardo Coutinho e com assessores dele sobre acordos fraudulentos e entregas de propinas. Segundo Daniel, o valor médio das propinas era de 10% sobre os contratos.

Daniel Gomes: “Eu consigo trabalhar seguramente com 10%, esse número é bem seguro”.
Ricardo Coutinho: “Mas isso no início ou no fim?”

Daniel Gomes: “Posso fazer quando o senhor fizer a primeira entrada aqui, eu já consigo viabilizar parte, posso adiantar”.

Em uma conversa gravada em novembro de 2017, o delator afirma que explica a Ricardo Coutinho sobre dois repasses de propina de R$ 1,5 milhão, cada.

Daniel Gomes: “Então governador, hoje eu tô com 1.5 disponível. O outro 1.5 eu acho que no início de janeiro”.

Ricardo Coutinho: “Livânia tá sabendo?”

Daniel Gomes: “Não”.

Segundo a investigação, Livânia Farias, ex-procuradora geral do estado e ex-secretária de administração, presa em março deste ano e que também fez delação premiada sobre o suposto esquema de corrupção, houve entregas de dinheiro a Ricardo Coutinho por meio de caixas. Conforme o MPPB, Livânia Farias teria recebido, por mês, propina na ordem de R$ 80 mil.

Entreguei ao governador Ricardo Coutinho. Era um valor de R$ 800 mil. Nas mãos dele”, diz Livânia Farias na delação, sobre repasse que teria sido feito em 2018.

Em outros trechos, Livânia afirma que entregou R$ 1 milhão ao ex-governador, e também relata uma entrega feita no ano passado, em uma caixa de vinho, por meio do assessor Leandro Nunes, que teria ido buscar a propina no Rio de Janeiro. Ele também foi preso, em fevereiro, e afirmou que o dinheiro era para ajudar na campanha de João Azevêdo, também ex-secretário do estado, eleito governador em 2018. Conforme a investigação, o dinheiro era para pagar material de campanha, como adesivos e bandeirinhas.

O esquema, originalmente feito por meio de fraudes na saúde, foi estendido para a área da educação. O superintendente regional da Controladoria Geral da União (CGU), Severino Queiroz, afirmou que havia empresas contratadas irregularmente por R$ 90 milhões para aquisição de livros e material gráfico.

Segundo a investigação, houve uma compra de 300 mil agendas sem licitação, cada uma a R$ 20. Em outros estados, material parecido foi comprado por R$ 3 e também por 60 centavos. O superfaturamento foi de até 450%.

Operação Calvário

A ação desencadeada pelo Gaeco do Ministério Público e Polícia Federal na terça-feira (17) teve objetivo de combater uma organização criminosa atuante em desvio de recursos públicos destinados aos serviços de saúde no Estado da Paraíba, por meio de fraudes em procedimentos licitatórios e em concurso público, corrupção e financiamento de campanhas de agentes políticos, bem como superfaturamento em equipamentos, serviços e medicamentos.

A operação, realizada em conjunto com o o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado GAECO/PB, Ministério Público Federal e Controladoria-Geral da União – CGU, apura desvio de recursos públicos na ordem de R$ 134,2 milhões, dos quais mais de R$ 120 milhões teriam sido destinados a agentes políticos e às campanhas eleitorais de 2010, 2014 e 2018.

Fonte: G1 Globo

ENTREVISTA: 'Lula já é uma carta fora do baralho', diz Bolsonaro em entrevista ao SBT~.



Em entrevista para o programa "Poder em Foco" do SBT, exibida na madrugada desta segunda-feira (23), o presidente Jair Bolsonaro disse que Lula é "carta fora do baralho" nas eleições de 2022. Comentou também sobre a possível candidatura à reeleição, fez um balanço sobre os aspectos positivos do seu primeiro ano de governo e falou sobre a reforma tributária.

Ao ser questionado sobre a influência do PT e do ex-presidente Lula nas próximas eleições presidenciais, Bolsonaro disse que mesmo se o petista continuar em liberdade ele está impossibilitado de disputar, porque já está condenado.

"Ele não é cabo eleitoral para mais ninguém. Quando eu andava pelo Brasil na pré-campanha era recebido em aeroportos por milhares de pessoas", disse. "Agora o Lula nas suas poucas andanças é criticado e vaiado. Eu acredito que o Lula já é uma carta fora do baralho", completou.

Perguntado se pretendia se candidatar à reeleição, Bolsonaro lembrou que durante a campanha prometeu que abriria mão da candidatura se fosse realizada a reforma política. "Como isso nós sabemos que não vai acontecer se eu estiver bem eu disputo", disse.

Ao fazer um balanço sobre o seu primeiro ano de governo o presidente falou que os aspectos positivos são os números. "Tivemos a menor taxa Selic que se podia imaginar (4,5%). O risco Brasil lá embaixo e uma inflação na média da projeção. Isso daí estimula as pessoas a investir", disse Bolsonaro.

Completou falando que deve terminar o ano sem nenhum caso de corrupção e com mais ou menos 900 mil empregos criados. "Para quem estava em uma taxa crescente de desemprego esses são números muito auspiciosos". Creditou também a melhora na economia à maior confiança dos demais países no Brasil, que tem sido sinalizada com o aumento dos investimentos.

O presidente foi também questionado sobre a reforma tributária e a proposta de reduzir os encargos na folha de pagamento das empresas. Segundo ele, sem que o governo perca com isso, há a possibilidade de se criar impostos, como a CPMF, desde que outros encargos sejam extintos. 

"O que eu tenho falado para o Paulo Guedes é para ele não falar em reforma, mas em simplificação tributária", concluiu o presidente.

Fonte: Folha Press