quinta-feira, 8 de novembro de 2018

CAMPANHA: STTP alerta em campanha educativa sobre o uso irregular do celular no trânsito.

Está sendo realizada durante este mês de novembro em Campina Grande uma campanha, de cunho nacional, que visa alertar os motoristas sobre o uso do celular enquanto dirigem.

Dados da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos da cidade (STTP) mostram que 90% dos acidentes no trânsito ocorrem por falha humana, e um percentual significativo para esse número alarmante se dá pelo uso irregular do celular no volante.


Em entrevista à Rádio Campina FM, o superintendente Félix Araújo Neto classificou o número de acidentes e multas, devido a este fato, como epidemia.

– A Prefeitura de Campina Grande tem visto com preocupação a utilização do celular no trânsito. Temos visto e ampliado o número de flagrantes nesse sentido. As estatísticas mostram que 90% dos acidentes ocorrem por falha humana e um percentual significativo para isso é a distração. Um dos fatores tratados como epidemia é o uso do celular no trânsito. Estamos acompanhando uma grande corrente nacional e aderimos a essa campanha para alertar os motoristas do perigo de dirigir teclando – disse.

A campanha “Pare de Dirigir Teclando” tem cunho educativo e disciplinar e, segundo Félix, ações já estão sendo feitas nos semáforos da cidade com o objetivo de conscientizar os motoristas.

O superintendente também falou que em Campina Grande o segundo lugar no ranking de aplicação de multas para condutores é o uso indevido do celular no trânsito. O primeiro é ocupado pelos casos de estacionamento em local incorreto.

– A campanha acontece durante todo o mês de novembro e já estamos com equipes nas ruas, onde acontecerão apresentações de teatros, apresentação de aristas. Vamos fazer isso para chamar atenção e pedir o respeito das pessoas. Temos registrado em torno de três mil multas devido ao uso do celular, é um número alarmante e que precisa ser combatido – disse.

Segundo Félix, as multas relacionadas ao uso indevido do celular no trânsito são as mais graves e chegam a R$ 293 com 7 pontos na carteira.


Fonte: Rádio Campina FM

Nenhum comentário:

Postar um comentário